Tags:, , , ,

BiblioSesc circula por cinco bairros de Salvador

- 14/08/2013

Unidades móveis de biblioteca visitam escolas e centros comunitários de cinco bairros de Salvador

Cátia Lima e Juliana Almirante 

O Serviço Social do Comércio na Bahia (Sesc-BA) mantém um projeto de unidade móvel de biblioteca chamado BiblioSesc, que visita principalmente escolas públicas de bairros periféricos de Salvador. A coordenadora de cultura do Sesc-BA, Marli Maier, afirma que a medida é repetida nacionalmente pela entidade. “Aqui na Bahia, ocorre desde 2009. Atualmente vamos semanalmente aos bairros de Periperi, Ribeira, Fazenda Coutos, Itapuã e Vale do Matatu.

O caminhão fica de 9h30 às 15h nos locais em dias determinados na agenda”, explica. Segundo ela, um dos dois veículos disponíveis no projeto deve ir às comunidades de Paripe, Sussuarana, Uruguai, Vila dos Ex-Combatentes (Itapuã) e Boa Vista de São Caetano a partir do ano que vem. A escolha dos bairros é feita a partir de visitas para avaliar se a localidade oferece condições para instalação da BiblioSesc e o período mínimo de atendimento do projeto é de dez meses, de março a dezembro de cada ano.

A bibliotecária Luciana Oliveira explica que o projeto funciona como uma extensão à rede de unidades fixas de bibliotecas da entidade e é destinado para os moradores do bairro que manifestam interesse, e não apenas a comerciantes e seus dependentes, ligados ao Sesc. “O acervo é de caráter enciclopédico, isto é, geral, mas o que predomina é literatura, tanto brasileira como estrangeira traduzida para o português, infantil e adulta. Também temos livros técnicos e didáticos, além de jornais, revistas em quadrinho e cordel”, informa.

Acreditamos que a leitura pode promover as pessoas a patamares mais elevados, diz a bibliotecária Luciana Oliveira

Luciana avalia que o público que frequenta os centros móveis é diversificado, com predominância do infanto-juvenil. A bibliotecária explica que cada bairro tem um perfil de público por motivos diversos, como disponibilidade de tempo, presença de escolas, interesse por leitura, incentivo dos pais e curiosidade. “Se alguém se aproxima por curiosidade, já tentamos ganhar mais um leitor, fazendo o convite para conhecer a unidade móvel, e nesse momento já damos as informações necessárias para fazer o cadastro e possa no mesmo momento levar um exemplar emprestado, que deverá ser devolvido na visita seguinte, no mesmo local e horário”, completa.

Para se cadastrar, o interessado que for maior de 13 anos deve apresentar documento de identidade e comprovante de residência. Até 12 anos, de acordo com a bibliotecária, é exigida a autorização do responsável por escrito, por meio de um formulário. Além de oferecer empréstimo, a BiblioSesc também leva contação de história e leitura compartilhada às comunidades. Durante as visitas, estão presentes dois auxiliares, um de biblioteca e outro de apoio, além do motorista que conduz a unidade.

Segundo Luciana, o Sesc criou o projeto por acreditar que a leitura cumpre papel importante na formação da cidadania: “Acreditamos que ela pode promover as pessoas a patamares mais elevados, pois quem muito lê torna-se mais consciente da realidade que nos cerca e, dessa forma, tem melhor capacidade de tomar decisões e formular seus próprios conceitos”.

Locais:
Ribeira: Centro Comunitário de Assistência social da LBV. Av. Porto dos Mastros, 19.
Periperi: Escola Municipal Anfilófio de Carvalho. Rua Osvaldo Deway, s/n.
Vila Militar (Itapuã): Escola Estadual Dona Jenny Gomes. Rua Carapeba, s/n.
Fazenda Coutos: Escola Municipal Ítalo Gaudenzi. Rua Morada da lagoa, s/n.
Vale do Matatu (Baixa do Tubo): Escola Municipal Olga Figueiredo de Azevedo.

Leia mais

Bibliotecas móveis estimulam a leitura em Salvador 

EDIÇÃO 2022.2

A invisibilidade que nos cerca

De que perspectiva você enxerga o que está ao seu redor? A segunda edição de 2022 do Impressão Digital 126, produto laboratorial da disciplina Oficina de Jornalismo Digital (COM 126) da FACOM | UFBA, traz diferentes ângulos jornalísticos sobre o que nos marca enquanto sociedade, especialmente àquilo que fazemos questão de fingir que não existe. […]

Turma 2022.2 - 07/12/2022

De R$ 4,90 para R$ 5,20

Aumento da tarifa de ônibus em Salvador afeta rotina de estudantes universitários

Estudantes relatam dificuldades criadas pelo aumento do valor da passagem de ônibus em Salvador O aumento de trinta centavos no valor da passagem de ônibus em Salvador (R$4,90 para R$5,20), anunciado de maneira repentina pela Prefeitura, entrou em vigor no dia 13 de novembro. Tal medida vem prejudicando o cotidiano dos estudantes, especialmente aqueles que […]

Jessica Santana, Laura Rosa, Lucas Dias, Lucas Mat - 07/12/2023

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Bahia é terceiro estado com maior número de partos em menores de idade

Estado registrou 6.625 partos em mulheres de até 17 anos; especialistas apontam falta de acesso à educação sexual como um dos principais motivadores Defendida por parte da sociedade e rechaçada por outra parcela, a educação sexual nas escolas é um tema que costuma causar polêmica quando debatido. Ainda assim, seu caráter contraditório não anula o […]

Larissa A, Lila S., Luísa X., Patrick S - 07/12/2023

catadores da cooperativa Canore reunidos

Desenvolvimento sustentável

Racismo Ambiental em Salvador e Economia Circular

Entenda como esse modelo de produção une sustentabilidade, cooperativas de reciclagem e a luta contra as desigualdades sociais Em meio à crise das mudanças climáticas, a cidade de Salvador tem registrado temperaturas maiores do que a média histórica, chegando a sensações térmicas acima dos 34ºC. Para combater os efeitos do aquecimento global, organizações e iniciativas […]

Anna Luiza S., Jackson S., Luiza G. e Pedro B. - 06/12/2023

Na imagem, uma mulher de blusa verde segura uma cesta com plantas medicinais em frente a uma barraca laranja que tem outras plantas e bananas

Desenvolvimento Sustentável

Feira une produção e consumo sustentáveis na UFBA

Realizada às sextas-feiras, Feira Agroecológica da UFBA se torna elo de ligação entre pequenos produtores e consumidores em busca de alimentação saudável A Feira Agroecológica da Universidade Federal da Bahia – apelidada carinhosamente de “Feirinha” – é um projeto de extensão do componente curricular “BIOD08 – Comercializando a Produção Agroecológica”, ministrado no Instituto de Biologia […]

Celso Lopez;Daniel Farias;Jade Araújo;Melanye Leal - 06/12/2023