O diferencial do trabalho do luthier

- 11/09/2013

Entenda um pouco sobre o processo de construção de um violão feito sob encomenda

Tácio Santos

A construção parte de uma peça de madeira, preferencialmente nobre, escolhida para atender às necessidades específicas do cliente. Detalhes como a cor e o modelo são definidos em comunhão com o luthier. O resultado final é um instrumento muito superior a de um produzido em massa, tanto na construção quanto na sonoridade. Essa construção mais sofisticada exige um tempo de produção maior: uma guitarra, baixo ou violão pode demorar até cinco meses para ficar pronto.

O processo de construção em nove etapas – O primeiro e mais importante passo na criação do instrumento é a seleção de madeira. Essa escolha irá afetar diretamente a qualidade do som do violão.

 

• 1 A madeira para o topo da guitarra é cortado de madeira através de um processo chamado bookmatching. As duas folhas são combinados e coladas.

• 2 O passo seguinte é cortar a parte superior na famosa forma de violão, mantendo o pedaço maior de madeira até o último corte. A boca é serrada, com ranhuras entalhadas em torno dela para os círculos concêntricos que servem como inlays decorativos em sua  superfície.

• 3 Cintas de madeira são coladas nas laterais por baixo da peça. Este processo serve para dois propósitos: preparar a madeira para a tensão exercida pelas cordas e controlar a forma como o tampo vibra.

•4 Aparte traseira, embora não tão importante para a acústica do instrumento quanto o topo, ainda é fundamental para o resultado final por ser um refletor de vibrações sonoras. Apoiada em tiras de madeira paralelas da esquerda para a direita, ela é cortada e colada semelhante ao tampo, utilizando a mesma técnica.

• 5 Construção das laterais consiste em cortar e lixar as tiras de madeira para o comprimento adequado e espessura e, em seguida, a madeira passa pelo amolecimento em água. As tiras são então colocadas em moldes que formam as curvas da violão e todo o conjunto é fixado por um tempo para assegurar a simetria entre os dois lados .

• 6 O braço é feito a partir de uma peça de madeira mais dura, geralmente mogno ou jacarandá, esculpida com as especificações exatas. Um tensor de reforço é inserido através do comprimento do braço que, depois de ser lixado, é colocado no lugar. Usando medições muito precisas, o espaço das casas é marcado na escala e os trastes de aço são colados .

• 7 Após o polimento, o cavalete é colado logo abaixo da boca do violão: é o lugar onde as cordas realmente serão fixadas. A colagem precisa ser feita com cuidado e atenção porque tem importância definitiva na transferência de vibração da corda para o tampo do instrumento.

• 8 As tarrachas são instaladas próximas à cabeça da violão . Esta é uma das partes mais delicadas do instrumento e é geralmente montada na parte de trás da cabeça. Os pinos e as engrenagens que transformam estão alojados em invólucros metálicos ou de plástico.

• 9 Finalmente, as cordas são colocadas e o violão é mais uma vez inspecionado antes de ser entregue ao cliente. Todo o processo de fabricação pode levar entre três semanas e dois meses, dependendo da quantidade de trabalho, detalhe decorativo e capricho no acabamento do instrumento.

Leia mais

Construtores de sons

Walter Smetak – O Luthier do novo mundo, reportagem de Raisa Andrade e Thamires Tavares para o ID 126 – edição do semestre 2012.2

 

EDIÇÃO 2022.2

A invisibilidade que nos cerca

De que perspectiva você enxerga o que está ao seu redor? A segunda edição de 2022 do Impressão Digital 126, produto laboratorial da disciplina Oficina de Jornalismo Digital (COM 126) da FACOM | UFBA, traz diferentes ângulos jornalísticos sobre o que nos marca enquanto sociedade, especialmente àquilo que fazemos questão de fingir que não existe. […]

Turma 2022.2 - 07/12/2022

De R$ 4,90 para R$ 5,20

Aumento da tarifa de ônibus em Salvador afeta rotina de estudantes universitários

Estudantes relatam dificuldades criadas pelo aumento do valor da passagem de ônibus em Salvador O aumento de trinta centavos no valor da passagem de ônibus em Salvador (R$4,90 para R$5,20), anunciado de maneira repentina pela Prefeitura, entrou em vigor no dia 13 de novembro. Tal medida vem prejudicando o cotidiano dos estudantes, especialmente aqueles que […]

Jessica Santana, Laura Rosa, Lucas Dias, Lucas Mat - 07/12/2023

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Bahia é terceiro estado com maior número de partos em menores de idade

Estado registrou 6.625 partos em mulheres de até 17 anos; especialistas apontam falta de acesso à educação sexual como um dos principais motivadores Defendida por parte da sociedade e rechaçada por outra parcela, a educação sexual nas escolas é um tema que costuma causar polêmica quando debatido. Ainda assim, seu caráter contraditório não anula o […]

Larissa A, Lila S., Luísa X., Patrick S - 07/12/2023

catadores da cooperativa Canore reunidos

Desenvolvimento sustentável

Racismo Ambiental em Salvador e Economia Circular

Entenda como esse modelo de produção une sustentabilidade, cooperativas de reciclagem e a luta contra as desigualdades sociais Em meio à crise das mudanças climáticas, a cidade de Salvador tem registrado temperaturas maiores do que a média histórica, chegando a sensações térmicas acima dos 34ºC. Para combater os efeitos do aquecimento global, organizações e iniciativas […]

Anna Luiza S., Jackson S., Luiza G. e Pedro B. - 06/12/2023

Na imagem, uma mulher de blusa verde segura uma cesta com plantas medicinais em frente a uma barraca laranja que tem outras plantas e bananas

Desenvolvimento Sustentável

Feira une produção e consumo sustentáveis na UFBA

Realizada às sextas-feiras, Feira Agroecológica da UFBA se torna elo de ligação entre pequenos produtores e consumidores em busca de alimentação saudável A Feira Agroecológica da Universidade Federal da Bahia – apelidada carinhosamente de “Feirinha” – é um projeto de extensão do componente curricular “BIOD08 – Comercializando a Produção Agroecológica”, ministrado no Instituto de Biologia […]

Celso Lopez;Daniel Farias;Jade Araújo;Melanye Leal - 06/12/2023